Amanda Areias

Programadora e designer gráfica por profissão, viajante por paixão e feminista por necessidade.​

Mochileira desde os 17 anos, sempre em busca de lugares, culturas e pessoas novas.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Safári na Tanzânia

March 1, 2018

 

Poucos sabem disso, mas o filme O Rei Leão foi inspirado no Serengeti, o parque nacional onde são feitos os safáris na Tanzânia. O ambiente e os animais são igualzinhos - vimos os leões deitados em cima das árvores e vários pumbas andando com seus filhotes pra lá e pra cá, e as palavras "Hakuna Matata" são escutadas diversas vezes ao dia, que significam "Não há problema" em suaíli, o idioma local.

 

 

O Serengeti é um dos melhores locais no mundo para se fazer safári (especialistas no assunto se dividem entre ele e o Kruger, na África do Sul) e passar quatro dias inteiros cercados de animais selvagens em seu habitat natural foi uma experiência que levarei para toda a vida. Além do Parque Nacional do Serengeti, existem outros três parques na região que são tão incríveis quanto, e que as empresas de safári costumam incluir no roteiro. São esses: Tarangire National Park, Lake Manyara e Ngorongoro Crater.  Os dois principais são o Serengeti e o Ngorongoro, sendo que a maioria dos tours de 4 dias acaba optando por esses dois e mais um dos restantes (no nosso caso foi o Tarangire).

 

 

 

Como chegar?

A cidade de partida dos safáris é Arusha, e é possível chegar lá de avião ou de ônibus. Nós fomos de ônibus e foi bem cansativo, a viagem dura cerca de 13h e é feita durante o dia (ônibus não operam a noite na Tanzânia), mas acabou saindo muito mais barato que de avião, já que o preço de ônibus é apenas U$10. Então vai de você optar se prefere o conforto ou uns dólares a mais no bolso.

 

Se sua escolha for ir de ônibus, recomendo fortemente que vá pela companhia Kilimanjaro Express, é a melhor e mais conhecida da Tanzânia. Nós acabamos comprando a passagem da volta muito em cima da hora e os ônibus da Kilimanjaro Express já estavam lotados, então acabamos indo com uma outra companhia qualquer e foi a pior viagem de ônibus que já fiz na vida - não haviam cortinas e o sol estava bem na nossa cara, não havia ar condicionado, na TV estava passando filmes nacionais em um volume super alto e na parada para o almoço tivemos apenas 10 minutos, então todos fizeram suas marmitinhas e foram comendo durante o trajeto (em um ônibus inteiro fechado e sem ar condicionado). Além de que ficava parando o tempo inteiro para sair e entrar gente, o que fez o trajeto durar mais de 15h. Não foi nem um pouco agradável.

 

Quanto tempo ficar?

Quatro dias acabou sendo bastante para ficar acampando no mato e passar as manhãs e tardes inteiras procurando animais selvagens. Mas, como o Serengeti está longe da cidade de partida dos safáris, seria muito corrido fazer em menos tempo (quem opta por apenas 1 ou 2 dias acaba não conseguindo ir ao Serengeti, e fica só pelos outros parques). Então acredito que 3 ou 4 dias seja perfeito. A cidade de Arusha não tem nada além das agências de Safári, então reserve apenas o dia para chegar e o dia para ir embora.

 

Quanto custa?

Caro. Com uma agência barata e acampando nos parques você vai pagar algo entre U$170 e U$200 por dia por pessoa (com tudo incluso). Se hospedando em hotéis dentro dos parques então nem se fala, esse preço facilmente triplica. E não são nem as agências que metem tanto a faca, são as entradas dos parques que são caríssimas, isso somado ao salário do motorista e do cozinheiro que te acompanham o tempo todo e à manutenção do carro acaba nem dando um lucro tão alto assim às agências mais baratas. Então, se você quer fazer um safári na Tanzânia, se prepara para gastar bastante.

Segue a imagem dos preços de entrada no Serengeti, por exemplo:

 

 

Com quem fazer?

Sinceramente, não sei te dizer. Nós fizemos com a empresa Come And See Adventures e eles foram péssimos. O safári em si foi ótimo (porque não é operado diretamente por eles) mas a organização deles é bem ruim e eles são muito fracos, recomendo que não faça com essa agência. Pela internet você vai encontrar dezenas de empresas que fazem esse serviço, com preços desde os mais baixos até mil dólares por dia. Pesquise bastante, procure as reviews de turistas que já foram e negocie bem, sempre dá para baixar bastante o preço em relação ao primeiro valor que te passam.
Também é possível alugar um carro e fazer o safári por conta própria, mas o bom de ir com uma agência é que os motoristas já estão acostumados aos parques e têm as manhas de encontrar os animais e se aproximar deles sem assustá-los.

 

O que vimos

Elefantes, leões, girafas, hienas, zebras, gnus, búfalos, hipopótamos, impalas, leopardos, javalis, e muito mais! Só ficou faltando o rinoceronte para que pudéssemos ver os famosos Big Five (leão, elefante, leopardo, rinoceronte e búfalo).

 

 

 

 Demos a sorte de ver também um casal de leões acasalando, e o motorista nos explicou como funciona: o casal se afasta do grupo por uma semana e se instala em um local perto de algum lago, para que possam beber água; ficam sem comer por sete dias e transando de sete em sete minutos durante toda a semana. E o pior é que é verdade, ficamos uns 25 minutos por lá para ver como funcionava e eles realmente transam de 7 em 7 minutos, rs. Só que cada um dura apenas uns 3 segundos, aí quanto acaba o leão solta um alto rugido e a leoa se joga no chão com as patinhas pra cima, muito figura:

 

 

 

Please reload

Como criar um projeto social

August 1, 2019

Se eu pudesse te dar um conselho...

February 7, 2018

Você é insignificante

November 16, 2017

Por que você tem tanto medo?

October 3, 2017

1/6
Please reload

Outros posts:

Acompanhe a autora pelo seu instagram: @amandaeareias