Se eu pudesse te dar um conselho...


Se eu pudesse te dar um conselho, eu diria: não se acomode. Nunca pare. Se mova, corra riscos, viaje, faça cursos, aprenda uma nova língua, leia, estude, aprenda a cozinhar, a tocar algum instrumento, faça novos amigos. Se rodeie de pessoas que te façam crescer. Continue sempre mudando, evoluindo. Se entendendo. Se aprendendo.

Não pare no passado. Não se anseie com o futuro.

Construa, hoje, o que você quer ser amanhã. Eu te imploro: Não pare. Nunca pare.